Apontamentos

A CPI do Charlatanismo

A CPI da Covid (como qualquer outra) poderia ter servido para fazer uma boa faxina na roubalheira que assola o país, mas foi desde o início tratada como palco para auto-promoção de políticos e serviu principalmente para perseguir o presidente Bolsonaro.

Vejam, não estou dizendo que o presidente fez ou deixou de fazer isso ou aquilo, mas que a CPI perde credibilidade ao se mostrar um instrumento direcionado a persegui-lo. A CPI apenas acessoriamente investigou e desvendou fatos ligados ao combate à pandemia, ao uso de recursos públicos, etc. Seu objetivo primário, ao menos para seus principais proponentes e defensores, sempre foi ferrar o presidente.

E um importante efeito da CPI foi ofuscar a roubalheira nos estados e municípios. Quase não se falou mais nisso. A imprensa se dedicou a cobrir Brasília e negligenciou o resto do país. Um ano atrás o escândalo eram os hospitais de campanha; hoje a manchete é Bolsonaro denunciado como “charlatão”.

Congresso Nacional

Inscreva-se em minha newsletter:

Receba artigos selecionados sobre política, cultura e sociedade.

Assinatura recebida!

Verifique seu e-mail e confirme a assinatura do boletim informativo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: